Hackers do Antisec roubam dados de 12 milhões de usuários da Apple

Apple iPad
O grupo hacker Antisec divulgou que dados de 12 milhões de usuários da Apple foram comprometidos depois que o grupo invadiu os computadores de um agente do FBI. No total, os criminosos conseguiram acesso à dados de 12.367.232 de dispositivos com iOS como iPhones e iPads. No entanto apenas os dados de 1 milhão de aparelhos foram postados na internet. Saiba mais detalhes e saiba como descobrir se os seu dispositivo foi afetado.

Os dados estavam em um computador de um agente do FBI, e incluem informações como nome de usuário, tipo de aparelho, código postal, endereço e até telefones dos usuários da Apple. Até o momento não há informações sobre como os dados dos usuários foram parar no notebook do FBI invadido pelo grupo hacker. Será que é algum tipo de espionagem do governo americano?

Enquanto a resposta para a pergunta acima não é respondida, saiba como verificar se o seu dispositivo foi afetado. No site Pastebin é possível baixar a lista com os dados dos aparelhos da Apple e seus respectivos números seriais. Esse número, chamado de UDID pode ser encontrado no iTunes ao conectar-se o dispositivo no computador.

Outra opção, para quem está longe do computador e só tem o iPad ou iPhone à mão é baixar um pequeno aplicativo na App Store, o Ad Hoc Helper. Basta instalar o app no aparelho e ele enviará uma cópia do número serial para o e-mail. Com o número em mãos acesse este site, cole-o na caixa de busca "Iphone UDID" e clique em "submit". Se o resultado for "Your UDID was not found" então está tudo bem. Senão o melhor a fazer é acessar sua conta na App Store e mudar sua senha.

Postagens mais visitadas